960x100 basa novo

Com gol nos acréscimos, Rio Branco larga na frente das finais

 DSC9965
O estreante Romário marcou o gol solitário da vitória do Rio Branco sobre o Atlético Acreano - Foto: Manoel Façanha

Com um gol de bicicleta do estreante Romário, aos 47 minutos de segundo tempo, o Rio Branco largou na frente das finais do Campeonato Acreano, em jogo ocorrido na tarde e noite de ontem (6), no estádio Arena da Floresta.

Com a vitória, o Rio Branco leva a vantagem do empate para o segundo e decisivo jogo das finais, agendado para o próximo sábado, também na Arena da Floresta, a partir das 17h. Por outro lado, o Galo Carijó só leva o bicampeonato se conseguir superar o Estrelão.

Jogo

Mesmo sem o trio ofensivo formado por Polaco, Careca e Eduardo, o Galo Carijó iniciou o clássico da tarde de ontem (6) pressionando o Rio Branco no seu campo de defesa.

Movimento bem pelos lados, principalmente o esquerdo, o Galo quase chegou ao gol após troca de passe, com o atacante Neto finalizando com violência da entrada da grande área. No entanto, o goleiro Jean mostrou qualidade e fez ótima defesa, aos 25 minutos.

O Rio Branco respondeu somente nos minutos finais. O atacante Romário, que acabara de entrar no jogo no lugar de Ancelmo, serviu na esquerda o atacante Gustavo Xuxa, esse levantou a bola na pequena área. Araújo Jordão, sozinho, testou para o gol, mas Babau fez milagre e salvou o Galo, aos 41 minutos.

Gol nos acréscimos

O Estrelão retornou dos vestiários querendo jogo e, ainda no primeiro minuto, Gustavo Xuxa serviu Romário. O atacante finalizou com violência, mas a bola ficou na rede pelo lado de fora da trave celeste. Susto!

Dois minutos depois, o Galo respondeu com o atacante Neto. O jogador celeste se livrou bem da marcação e finalizou o lance, mas o goleiro Jean fez outra boa defesa no jogo.

Numa bola parada de Januário, aos 17 minutos, a bola passou sobre a barreira, mas o goleiro Jean, como um gato, fez outra grande defesa no jogo.

Três minutos depois, o Galo chegou novamente após troca passe entre Jeferson, Neto e Ailton. O último ariscou o chute e a bola passo rente o pé da trave do goleiro Jean. Ufa!

Com as duas equipes marcando forte, as oportunidades claras de gol eram quase raras. No entanto, nos acréscimos, após escanteio, a zaga celeste vacilou e o estreante Romário, de bicicleta, marcou o gol da vitória do Rio Branco.

gsfh

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

voltar ao topo